DIPLOMACIA ECONÓMICA

Embaixador Estáquio Quibato “desbrava terreno” para investimentos nigerianos em Angola

O encontro decorreu na sequência do 2º Fórum de Negócios realizado de 3 a 5 de Fevereiro, na Catumbela/Benguela, no qual participaram delegações empresariais da Nigéria, RDC, Brasil, Zimbabwe, Rwanda e do Fundo Monetário Internacional-FMI.

Durante o fórum, embaixador Eustáquio Quibato desafiou os empresários dos dois países a serem mais proactivos nos seus investimentos para o crescimento económico das duas nações. “Já perdemos muito tempo. Já perdemos muitas oportunidades de negócios e de crescimento e urge reverter este quadro de apatia”, alertou, na ocasião, o embaixador Eustáquio Quibato.

Eustáquio Quibato apelou também para uma Diplomacia Económica mais agressiva com a criação de mais Câmaras de Comércio e Indústria entre os dois países.

O diplomata colocou à disposição dos investidores os serviços consulares da Missão Diplomática na Nigéria para facilitar a emissão de vistos e prestar toda assistência técnica necessária.

A primeira empresa a aceitar o desafio foi o Grupo Empresarial Adérito Areais que na primeira quinzena de março vai enviar uma missão de prospecção ao mercado nigeriano para a exportação em grande escala de sal refinado para consumo humano e de sal a granel para a indústria petrolífera da África Ocidental.

PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO

Angola e a Nigéria cooperam desde os primórdios da Luta de Libertação Nacional. Em Maio de 2019, os ministros das relações exteriores dos dois países, S.Excias. Geoffrey ONYEAMA e Manuel AUGUSTO, expressaram a necessidade de se aprofundar a cooperação nas áreas política, socioeconómica e cultural, bem como melhorar a Agenda de Desenvolvimento dos respectivos países e do Continente Africano.

Concordaram em alargar o espectro da colaboração entre os dois países e aumentar a cooperação nos domínios do comércio, investimento, petróleo e gás, bem como acompanhar a implementação do Memorando de Entendimento sobre o Acordo Bilateral do Espaço Aéreo (BASA), assinado entre a Nigéria e Angola;

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *