Crônicas

Humilhados e Ofendidos (1)

    “Ele mesmo descalço” era o pedido da Pythia a Franz Fanon, professor recém chegado de França. Fanon lhe havia pedido uma consulta. Os pés descalços não era nada frente aos pedidos que Fanon já tivera de atender, tanto da parte da metrópole quanto da colônia. É verdade que o seu salário de professor e …

Humilhados e Ofendidos (1) Leia mais »

Perdidos no além

Entre estrelas, galáxias e diferentes universos me encontro a contemplar-te! Perdida em mim numa imensidão de emoções e sensações… por vezes perdida, por vezes encontrada! Onde estou?… Para onde vou?… Afinal quem sou, o que sou? Tanto me sinto uma poeira como um deus. Que sentido isso faz? Nenhum! Perguntas-te, se tudo precisa fazer sentido …

Perdidos no além Leia mais »

A escritora

noite de quarta-feira. 14 de abril de 2021. é o lançamento de “contra-egun”, primeiro livro solo de dandara dos reis, no museu de arte moderna da bahia. mais cedo, pela manhã, ela havia ido ao armarinho de dona nena convidá-la, mas, hoje o local é um bar. quando criança, ia com dona cláudia, sua mãe, …

A escritora Leia mais »

O sonho de amarílis

amarílis tem 29 anos, é negra retinta e trabalha como pedagoga. é apaixonada por música popular brasileira, literatura africana e afro-brasileira. gosta de assistir a filmes de comédia romântica e drama. quando não está trabalhando, está em casa. raramente sai. só quando há necessidade. tem um caderno lilás onde escreve poemas de seus poetas favoritos, …

O sonho de amarílis Leia mais »

Malvina, a má!

malvina aprendeu a dizer não. começou a utilizar a pedagogia do constrangimento com pessoas inconvenientes. conhece seus lugares no mundo (o geográfico, o racial e o social) e as implicações que isso traz. sempre teve o sorriso fácil de gente que gosta de gente e quando abordada por pessoas sem noção que insistiam em lhe …

Malvina, a má! Leia mais »

Ser quem Somos

Consegues ver-te? Olhar-te? Sentir-te? Olhar para dentro de ti, para quem és! A tua alma! A tua essência! Sim, olhares-te e veres-te! Não o que vestes ou algum mau estar físico! O que sentes? Quando te olhas ao espelho, o que vês? Quantas vezes te olhas ao espelho, para olhares bem fundo nos teus olhos? …

Ser quem Somos Leia mais »

Leberdia

Alô, sobrinho? -Alô, tio. O vosso passar? – Passámos bem. Não sei por vós! O que não falamos é boato, sobrinho. O tal viver é só mesmo isso. – Exacto correcto. Já estás nas balizas do que vai acontecer amanhã? – Não, tio. Amanhã teremos uma sentada. – De quê, tio? Do teu primo Kaingona …

Leberdia Leia mais »

O (a)mar entre os dois

analu e beni se conheceram através do facebook. ele é angolano. ela, brasileira. por terem muitos amigos em comum, ele a adicionou e começou a ler seus poemas. um dia, enviou uma mensagem, passaram a conversar com frequência e iniciaram um relacionamento à distância que já dura oito meses. têm muitas coisas em comum, dentre …

O (a)mar entre os dois Leia mais »

O beliche de São João

Meu pai, homem negro de Nazaré das Farinhas, era o mais velho de cinco filhos. Muito pobres, ao chegarem em Salvador, foram morar na Massaranduba. Eu sou o primeiro dos cinco filhos dele. Até meus 10 anos ele ainda era casado com minha mãe e morávamos no Jardim Cruzeiro. São João era muito festejado nesses …

O beliche de São João Leia mais »

O propósito

mirela era assistente social em uma clínica, mas, sentia que faltava algo em sua vida e não era capaz de definir. em um domingo, acordou cedo e decidiu visitar o lar irmã maria luiza. encantou-se com os idosos do local e decidiu trabalhar como voluntária. todo sábado, chega às 8h no lar, ajuda a dar …

O propósito Leia mais »